Inveja Pa Que?

"Inveja Pa Quê? Featuring Praga"

Se inveja tava matá, mim jám tava bóde
Tud ês qrêm mal, ê mdjor ´m tmá cuidóde
Ês ta dá conta de tud lugar q'm ta estóde
Basta ´m bri oie pám oiás na nha lóde
M ta sei na rua ‘m ta sintis ta espiám
Ês ta corrê sõ pa podê salvám
Fazém riola na nhas costas pa dpôs braçam
Tchám dzê : bsôt ca ta inganám
Sês ês pret, mi ê pret tambê
Sês dá pa dôd, mi ê dôd tambê
Sês qrê cuspi, m ta cuspi tambê
Olim li ta dzê o q'm têm pa dzê

 

Se inveja ta mataba
Nem ca ta imagina undi qui no staba
Nu ser mas verdadero, Nu respeta nôs próprio
Pa mó nôs tud nôs ê criole
Se inveja ta mataba
Nem ca ta imagina undi qui no staba
Nu tem qui ter orgulho na quês que triunfa cu esforço
Pa mó nôs tud nôs ê criole,
Inveja pa quê?

 

Olim li mi ê sô morte que ta parám
Dzê bô pove pa tchám bsôt largám
Nha vida ê d'meu bsôt tchám vivêl
Nha dnher ê d'meu ca bsõt bem tmá êl
Espiá na próte ca bõ espiá ness d'meu
Cada qual q'sê tonte, cada qual quel d'seu
Nunca ês dám nada, nunca ês dám um mon
Nem ês ca ta admiti quês ta gostá de nha som

 

Tud o q'm tem, m trabaia pa tel
Gora ês catchorre ês qrê bem tmám el
Trám cmida de boca pa dpôs ês cmêl
Dspim nhas roupinha, trám fio de cabel
Que raiva móda bõ fema ta dôd na nha estile
Dõd na nhas musica, na nha style tranquile
Tmá cuidóde, se ela dám m ta tmá
M ta cmês calóde ninguém ca ta oiá

 

O k'u ta desejam ‘m ta desejau igual
O k'u ta desejam ‘m ta desejau igual
A mim si bu dam respect mim ta dabu respect
Ca ta desejau mal mim ta qrê odjau ê dret

Ficha Técnica:

Letra: AC Firmino \ José Moreno
Música: AC Firmino

Produzido por AC para Mandachuva Lda

Voz convidada: Praga (Nigga Poison)
Programações: AC

Gravado no Ginásio, Lisboa por AC e no Estúdio Praça das Flores, Lisboa por Luís Delgado
Misturado no Hightower Studio, NYC por Troy "MixByMail" Hightower